Seu guia de fornecedores para área magistral

Description

A coenzima Q10 (CoQ10) desempenha um importante papel na prevenção e no tratamento de doenças cardiovasculares. Fato esse elucidado em mais uma recentemente publicação na revista Heart and Vessels, revelando que há uma estreita relação entre níveis mais baixos de coenzima Q10 (CoQ10) e o aumento do risco de mortalidade.

O estudo foi realizado com 242 homens e mulheres consecutivamente admitidos na unidade coronariana do Juntendo University Hospital, em Tóquio, entre abril de 2012 e janeiro de 2013. Amostras de sangue coletadas 24 horas após a admissão foram analisadas para CoQ10, lipídios e outros fatores.

Durante um acompanhamento de 3,2 anos, 58 pacientes morreram de causas cardíacas, carcinoma, infecção, sangramento e outros diagnósticos. Os níveis de coenzima Q10 foram em média 0,48 mg/L entre os não sobreviventes em comparação com 0,58 mg/L entre os sobreviventes. Quando os indivíduos foram categorizados de acordo com níveis baixos (menos do que o nível mediano de 0,46 mg/L) ou altos (0,46 mg/L ou mais) de CoQ10, os níveis mais altos foram associados a um risco de 52% menor de morrer por qualquer causa durante o acompanhamento, em comparação com os níveis mais baixos.

Foi observado que os pacientes no grupo de CoQ10 baixa estavam recebendo doses mais altas de estatinas do que aqueles no grupo de CoQ10 alta. “Portanto, os baixos níveis de CoQ10 induzidos por desnutrição e tratamento com estatinas são um alvo terapêutico potencial em pacientes internados”, destacou Shimizu, um dos pesquisadores.

Os autores destacaram  também que as pesquisa envolvendo a suplementação de CoQ10 resulta em níveis mais baixos do marcador inflamatório interleucina 6, e de PCR (outro marcador de inflamação), quando comparado aos pacientes que não utilizam coenzima Q10.

Os resultados do presente estudo sugerem que níveis mais baixos de CoQ10 em pacientes com doença cardiovascular aguda podem predizer prognóstico ruim a longo prazo. Avaliar os níveis de coenzima Q10 no soro pode ser um potencial alvo terapêutico para os pacientes com doenças cardiovasculares.

.

Referências consultadas

Shimizu M, et al. Low coenzyme Q10 levels in patients with acute cardiovascular disease are associated with long-term mortality. Heart and Vessels, 2020.

Disponível em Life Extension. Traduzido e adaptado por Magistral Guide

Related Posts

Os óvulos são formas farmacêuticas sólidas, de dose única destinados a serem introduzidas no trato ...
Magistral Guide
26 de novembro de 2020
A vaginose bacteriana é uma infecção vaginal que afeta de 15% a 50% das mulheres em idade ...
Magistral Guide
25 de novembro de 2020
Sim, você não leu errado. A ocitocina, o hormônio conhecido como “hormônio do amor” que regula o ...
Magistral Guide
20 de novembro de 2020