Seu guia de fornecedores para área magistral

Description

O crescimento saudável das unhas envolve diversos fatores, incluindo alterações hormonais (por exemplo, tireóide), gravidez, predisposição genética, uso de medicamentos (por exemplo,metotrexato, azatioprina), fatores ambientais e também fatores nutricionais. Por isso há uma variação individual no crescimento e aparência das unhas.

Nos últimos anos muitos insumos entraram no mercado prometendo unhas mais fortes e bonitas. Mas quais realmente tem apoio científico e auxiliam de alguma maneira no crescimento e fortalecimento? Uma revisão publicada no International Society of Dermatology buscou compilar as evidências científicas dos principais nutracêuticos usados de forma oral para o fortalecimento das unhas, e o Magistral Guide resumiu o conteúdo aqui para você:

Biotina

Também conhecida como vitamina B7, coenzima R ou vitamina H, a Biotina é uma vitamina solúvel em água e um cofator para cinco enzimas carboxilases (propionil-CoA carboxilase, piruvato carboxilase,
metilcrotonil-CoA carboxilase e duas formas de acetil-CoA
carboxilase). Estas carboxilases estão envolvidas no
metabolismo de ácidos graxos, aminoácidos e glicose.

Deficiência de biotina é raro em humanos, no entanto, tornou-se popular como um suplemento para o crescimento de unhas e cabelos depois que seu uso em porcos e cavalos mostraram fortalecer os cascos dos animais. Assim como as unhas dos humanos, os cascos dos animais são feitos de queratina e a biotina auxilia na biossíntese de queratina mantendo os queratinócitos unidos para fornecer tensão e força à unha.

Em 1989, um dos primeiros estudos avaliando os efeitos da suplementação de biotina em unhas quebradiças humanas foi publicado. Uma dose oral diária de 2,5 mg de biotina foi administrado em 71 pacientes diagnosticados
com unhas quebradiças de etiologia desconhecida. Dos 45 pacientes
acompanhados para avaliar a eficácia, 41 (91%) demonstraram uma
melhora na firmeza e dureza das unhas. Em outros estudos, doses ainda mais baixas de biotina associada ou não a outras vitaminas também mostraram a capacidade de aumentar o crescimento das unhas.

Peptídeos de colágeno

O colágeno é a proteína mais abundante no corpo, pois produz
tecidos conjuntivos como ossos, pele, tendões, ligamentos,
e cartilagem. Os peptídeos de colágeno são elementos decompostos da proteína mais longa e com isso apresenta uma maior biodisponibilidade.

Em alguns estudos, a ingestão de peptídeos bioativos de colágeno mostrou melhorias na taxa de crescimento das unhas e na aparência de unhas quebradiças, reduzindo significativamente a descamação das unhas.

Queratina solubilizada

É uma forma biodisponível patenteada de queratina que
fornece ao corpo a queratina que normalmente é perdida no
pele, cabelo e unhas como resultado do envelhecimento. Assim, o uso da queratina solubilizada mostrou melhora significativa na aparência e resistência das unhas principalmente devido à sua alta biodisponibilidade.

Em um estudo randomizado, duplo-cego e controlado por placebo, os pesquisadores compararam a força das unhas entre dois grupos de
mulheres com idade entre 40 e 71 anos que foram randomizadas para
receber duas cápsulas de queratina (500 mg) mais vitaminas e minerais (vitamina B3, B5, B6, B8, zinco e cobre) ou duas cápsulas placebo, diariamente, durante 90 dias. Os pacientes que usaram queratina solubilizada apresentaram leve a moderada melhora nas unhas no que diz respeito à sua tendência a quebrar ao longo de 90 dias.

Ácido ortossilícico estabilizado com colina

Pesquisas mostraram que o silício desempenha um papel na síntese de colágeno, bem como retarda o envelhecimento da pele e melhora a elasticidade. O silício também tem sido associado à melhoria das condições do cabelo e das unhas.

Entre as poucas formas de suplementos de silício disponíveis, o ácido ortossilícico é a principal fonte prontamente biodisponível de silício. O ácido ortossilícico é facilmente absorvido pelo intestino delgado, sendo capaz de aumentar a síntese de colágeno mantendo o tecido conjuntivo. Além disso, pode melhorar a reticulação de glicosaminoglicanos na derme e a estrutura da queratina no cabelo e unhas.

Mulheres que receberam 10 mg de ácido ortossilícico estabilizado com colina por dia, durante um período de 20 semanas, apresentaram melhora na fragilidade das unhas e cabelos.

Metilsulfonilmetano (MSM)

É um enxofre que ocorre naturalmente em composto encontrados no ambiente. Seu uso é conhecido pelas suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, e mais recentemente percebeu-se que poderia também manter a queratina normal, fortalecendo as pontes dissulfetos encontradas na queratina.

Em um estudo, 63 mulheres saudáveis ​​de meia-idade, ingeriram 1 grama ou 3 gramas de MSM por dia, durante 16 semanas. Para ambas as doses,
houve uma melhora estatisticamente significativa na aparência da unha e a maioria dos participantes concordou que a suplementação de MSM fez suas unhas ficarem mais fortes e saudáveis.

.

Segundo os autores da revisão, as evidências científicas apontadas no uso desses nutracêuticos citados para o crescimento e fortalecimento das unhas ainda são modestas. Apesar de alguns resultados positivos são necessários mais ensaios clínicos com tamanhos de amostras maiores para elucidar com maior clareza quais os melhores suplementos para essa finalidade.

.

Bibliografia consultada:

Yousif J; Farshchian M; Potts GA. Oral nail growth supplements: a comprehensive review. International Society of Dermatology, 2022.

Related Posts

Estima-se que cerca de 73,8% dos atletas ingerem cafeína antes ou durante a competição (com uma ...
Magistral Guide
18 de junho de 2024
Uma meta-análise publicada na revista Molecules concluiu que a suplementação de resveratrol ajuda a ...
Magistral Guide
12 de junho de 2024
Skin picking, também chamado de transtorno da escoriação, nada mais é do que aquele comportamento ...
Magistral Guide
10 de junho de 2024