Seu guia de fornecedores para área magistral

Description

A carnitina é obtida a partir dos alimentos e produzida pelo corpo. Sua principal função é transportar ácidos graxos de cadeia longa para as mitocôndrias da célula produzir energia. Estudos anteriores sugerem que a carnitina também pode estar envolvida no desenvolvimento do sistema nervoso. Bebês prematuros, nascidos antes de 32 semanas de gestação, correm o risco de desenvolver deficiência de carnitina devido ao estoque limitado nos tecidos, síntese endógena imatura e ingestão insuficiente.  

Em um recente estudo, pesquisadores mediram os níveis de carnitina de bebês prematuros e calcularam a ingestão de nutrientes (incluindo carnitina), nas primeiras cinco semanas pós-natal. Foram avaliadas as associações dos níveis séricos de carnitina e nutrição com o crescimento, peso, perímetro cefálico, bem como diâmetros cerebrais determinados por ressonância magnética.

A ingestão de carnitina e as concentrações de carnitina livre e acilcarnitina de cadeia curta no soro foram associadas ao crescimento dos bebês prematuros e ao tamanho dos seus cerebelos. Além dessas associações, a carnitina dietética foi correlacionada com as concentrações de carnitina livre e acilcarnitina de cadeia curta no soro, sugerindo que essas substâncias podem ser consideradas marcadores de ingestão de carnitina.

Tanto o leite materno quanto as fórmulas infantis contêm quantidades variadas de carnitina. É possível administrar a carnitina por via parenteral, mas as evidências sobre os benefícios da suplementação de carnitina permanecem contraditórias e geralmente não é recomendada nas diretrizes atuais de nutrição parenteral para prematuros. Contudo, é necessário mais pesquisas afim de esclarecer se a suplementação de carnitina é realmente necessária durante a nutrição parenteral prolongada e, se o leite materno deve ser enriquecido com carnitina em algumas situações no tratamento dietético de bebês prematuros.

.

Bibliografia consultada:

Manninen S; et al. A ingestão de carnitina e os níveis séricos se associam positivamente com o crescimento pós-natal e o tamanho do cérebro a termo em bebês muito prematuros. Nutrientes , 2022.

Related Posts

A canela contém polifenóis que podem melhorar a homeostase da glicose e reduzir as concentrações de ...
Magistral Guide
22 de fevereiro de 2024
Um estudo recente mostrou que 5 anos de suplementação de vitamina D estava associado a uma redução ...
Magistral Guide
20 de fevereiro de 2024
Os cremes vaginais estão presentes nas farmácias de manipulação e são frequentemente prescritos para ...
Magistral Guide
17 de fevereiro de 2024